quarta-feira, 13 de março de 2013

Justiça anula edital de concurso temporário da Prefeitura de Nova Viçosa

Justiça anula edital de concurso temporário da Prefeitura de Nova Viçosa
   





 
 
 
 
Atendendo uma representação do Ministério Público Estadual, que fora autor de uma Ação Civil Pública propondo a anulação de edital com pedido liminar de suspensão do certame, a juíza titular de Mucuri e substituta da Vara dos Efeitos de Relações de Consumo Cíveis e Comerciais da comarca de Nova Viçosa, Tarcísia de Oliveira Fonseca concedeu liminar determinando que o município de Nova Viçosa suspendesse imediatamente o Concurso Público constante do Edital nº 005/2013, posto que se encontra em desacordo com a norma constitucional.
O promotor de justiça titular na comarca de Mucuri e substituto do Ministério Público Estadual no município de Nova Viçosa, Thiago Albani Oliveira propôs em defesa da coletividade pública a Ação Civil Pública, narrando que o edital da seleção Simplificada da Prefeitura de Nova Viçosa, para concorrer a vagas da Secretaria de saúde e do CRAS e CREAS junto a Secretaria de Assistência Social do município de Nova Viçosa, fora assinado no dia 14 de fevereiro de 2013 (sexta-feira), tendo como prazo para as inscrições apenas a data de 18 de fevereiro de 2013 (segunda-feira), ou seja, o primeiro dia útil após a publicidade restrita do edital.
O promotor de justiça Thiago Albani moveu a ação um dia após o Teixeira News ter denunciado o fato em 19 de fevereiro passado e segundo o represente do Ministério Público, como se não bastasse limitar a inscrição a um único dia útil, também se restringiu o período de 08h às 12h, ou seja, apenas 4 horas para as inscrições. Motivo pelo qual o promotor instaurou a Ação Civil Pública com pedido de liminar, objetivando que o município de Nova Viçosa suspendesse imediatamente o Concurso Público em desacordo com a norma constitucional e com o princípio da publicidade, vez que não houve o lapso mínimo de 30 dias à abertura das inscrições até o encerramento, cujo concurso pretendia contratar servidores temporários, alegando o município, excepcional necessidade pública.
 
   
 

sexta-feira, 8 de março de 2013

Ser mulher é ser muitas mulheres

Ser mulher é ser muitas mulheres


Depois da revolução sexual dos anos 1960, ficou mais fácil para a mulher fazer escolhas diferentes do que era esperado tradicionalmente: casar-se e ter filhos. Meio século depois, é impossível enumerar as possibilidades que uma mulher.

Priorizar a carreira, cuidar da casa e dos filhos, conciliar as duas coisas, casar-se com outra mulher, não se casar, cumprir o protocolo tradicional ou mesmo não fazer planos? As escolhas são muitas. Como são muitas as mulheres. E muitos sonhos, desejos, anseios. Diferentes escolhas mostram que não há fórmula para ser mulher. Nem para ser feliz. Ser mulher é lutar para que seus direitos e desejos sejam respeitados. Sejam eles quais forem.

A psicóloga Elizângela Roque divide, aos 40 anos de idade, o tempo entre os pacientes e os oito filhos. Logo que se casou, os planos eram seis crianças. Em 2011, já com cinco, conheceram um colega de classe do filho mais novo. A criança era de um abrigo e eles decidiram adotá-la. Quando deram entrada no processo, descobriram que ela tinha um irmão.

“Adotamos os dois e eles estão conosco há um ano e meio. No processo de adoção eu fiquei grávida”, conta. Hoje, com os oito filhos, a rotina depende de muita organização: tem hora para assistir TV, para fazer tarefa e para as atividades extraclasse. “É uma opção de vida. Sou profissional, sou psicóloga de formação e trabalho no serviço público. É um grande desafio, não é nada simples, mas é também uma alegria muito grande”.

Aumentar a família faz parte dos planos da jornalista Marina Marcondes. Ela e a companheira já têm uma filha cada, de relacionamentos anteriores. O sonho agora é criar juntas um menino. “Acho que não é pelo fato de eu ser lésbica que não posso gerar uma criança. A gente não tem nada muito decidido ainda, porque ter mais uma criança gera gastos e uma série de questões financeiras e estruturais”, pondera.

Por enquanto, as duas estão se organizando para poder dar um irmão ás duas filhas. “A vontade é muito forte, o sonho é muito grande e o amor, para gerar mais uma vida, é maior ainda. Se não der pra gerar, a gente pensa em adotar. O que a gente quer, na verdade, é dar amor a uma criança”, resume.

Professora de formação e dona de casa desde o casamento, Luciana Chagas abriu mão da carreira para se dedicar á maternidade. “Eu me sinto completamente realizada. Toda mulher que é mãe, com quem eu converso, fala que a melhor coisa que existe é ter filho, porque eles trazem uma sensação inigualável e a gente se sente muito amada”, relata.

Ser professora era um sonho de infância. “Renunciei muito consciente e muito feliz por isso”, destaca. Para Luciana, valeu a pena estar constantemente ao lado da primeira filha, hoje com um ano. “É uma novidade ver uma criança se desenvolvendo, a gente aprende o tempo inteiro. E é uma oportunidade de se doar”.

A maternidade e o casamento não fazem parte dos planos da também professora Verônica Lima. Para ela, a realização está em outras escolhas. “Quando penso em realização, penso em viajar mais, aprender mais, conhecer mais gente, falar outro idioma. Eu não penso que [trazer] uma criança ao mundo vá me deixar mais ou menos realizada do que sou hoje em dia. Talvez, para algumas pessoas sim, mas para mim isso não é sinônimo [de realização]”.

Assim como Verônica, a assistente administrativa de uma empresa internacional Juliana Pinto não faz planos de se casar nem de ter filhos. Não é uma questão fechada, mas não passa pelos sonhos dela. “Não penso em me casar nem em ter filhos por uma inquietação, talvez, com essa norma social de que a gente é criada para isso, que esse é o sonho de todo mundo”.

Ela diz que começou a repensar as relações humanas em geral. “E o que busco é uma independência emocional sozinha. Aí acho que vou poder ter um relacionamento, ou não. Pode até ser um relacionamento monogâmico, poligâmico ou a três. Ou até ficar sozinha, ter uma casa cheia de gatos”. Segundo ela, são tantas as opções que se tem para o futuro, que se estiver bem consigo mesma, qualquer uma vai ser agradável.
 

Justiça põe fim à paralisação dos vigilantes

Justiça põe fim à paralisação dos vigilantes

Por A Tarde
Após dez dias de greve, os vigilantes da Bahia retornam ao trabalho nesta sexta-feira, 8, por decisão do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-5ª Região) durante julgamento do dissídio coletivo da categoria nesta quinta, 7. Os vigilantes cobravam pagamento de 30% de adicional de periculosidade, conforme lei federal (12.740) sancionada no fim do ano passado.

A greve foi considerada "ilegal e abusiva" pela relatora, desembargadora Sônia França. Para ela, os vigilantes foram "precipitados em declarar greve, visto que a lei tem pouco tempo que entrou em vigor". A maioria dos desembargadores acompanhou o voto da relatora.

O não cumprimento da determinação implica multa diária de R$ 50 mil, valor que será repassado para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e para o Conselho Tutelar da Criança e do Adolescente.

O presidente do Sindicato dos Vigilantes da Bahia (Sindivigilantes), José Boaventura, afirmou que a categoria vai retomar o trabalho. "A decisão é lamentável, mas a nossa proposta é que retornemos às atividades, mas mantendo a luta. Vamos lutar pelo cumprimento da lei".

Recurso - A categoria pode recorrer ao Tribunal Superior do Trabalho (TST), o que não suspende a decisão do TRT até o julgamento. "Aguardaremos a publicação da decisão para recorrer, defendendo o mesmo ponto de vista, de que a lei não depende de regulamentação", disse o advogado do Sindivigilantes e do Sindicato dos Vigilantes de Itabuna (Svitabuna), Nei Viana.

O pedido de dissídio foi impetrado pelo Sindicato das Empresas de Segurança Privada da Bahia (Sindesp), em 26 de fevereiro, primeiro dia da paralisação. O presidente da entidade, Lauro Silva, afirmou que espera o retorno imediato: "Os vigilantes estão cientes da necessidade de regulamentação da lei, o que virá em breve. Eles devem voltar ao trabalho imediatamente".

Cerca de 200 trabalhadores que aguardavam do lado de fora do tribunal se reuniram em assembleia logo após o julgamento. Eles resistiram em aceitar a decisão. O presidente do Sindivigilantes tentou conter os ânimos, pois muitos queriam fazer mais protestos. "A gente não pode agir de cabeça quente", ponderou Boaventura.

Ele afirmou que, caso as empresas descontem os dias parados, o sindicato vai arcar com os custos. "Se houver um desconto, nós vamos pagar a cada trabalhador", prometeu o sindicalista.

Bancos - Com o fim da greve dos vigilantes, a expectativa é que as agências bancárias voltem ao funcionamento normal. Por lei, os bancos só podem operar com, no mínimo, dois seguranças.

O presidente do Sindicato dos Bancários, Euclides Fagundes, afirmou que o fim da paralisação deixa os bancários mais tranquilos. "A greve estava nos causando bastante preocupação. Alguns bancos burlaram a orientação de não funcionar, e isso estava deixando os bancários preocupados", contou. Sobre a decisão judicial, Fagundes acredita que houve injustiça: "O vigilante enfrenta sérios riscos, então ele tem esse direito".
 

Ex-goleiro Bruno é condenado a 22 anos de prisão

Ex-goleiro Bruno é condenado a 22 anos de prisão


O Tribunal do Júri de Contagem (região metropolitana de Belo Horizonte) condenou, nesta sexta-feira (8), o goleiro Bruno Fernandes, 28, a 22 anos e três meses de prisão, por homicídio triplamente qualificado, sequestro e ocultação do cadáver da modelo Eliza Samudio, mãe de seu filho Bruninho, morta em 10 de junho de 2010. A professora Dayanne Souza, 25, ex-mulher e mãe das duas filhas do goleiro, foi absolvida da acusação do sequestro de Bruninho Samudio. "Estou muito feliz", disse Dayanne, após a absolvição.

Com a condenação, Bruno permanece recluso na penitenciária federal de segurança máxima Nelson Hungria, em Contagem (MG), onde está detido desde julho de 2010.

O promotor solicitou aos jurados que absolvessem Dayanne depois que ela pediu para ser reinterrogada na abertura da última sessão. A ex-mulher de Bruno afirmou que foi coagida pelo ex-policial José Laureano Assis, o Zezé --que passou a ser investigado recentemente por suspeitas de que ele participou da morte de Eliza-- para esconder a criança.

A juíza Marixa Fabiane Lopes, do Tribunal do Júri, classificou Bruno, em sua sentença, como um pessoa "fria, violenta e dissimulada". De acordo com a senteça da juíza, o goleiro "demonstra absoluta impiedade".

Crime chocou o país

Bruno foi preso quando vivia o melhor momento na carreira no futebol. O atleta era titular do Flamengo e negociava transferência com o Milan da Itália. Também era cotado para assumir a camisa 1 da seleção brasileira. Os crimes contra Eliza e o bebê tiveram repercussão internacional e chocaram o país a cada fato novo que surgia.

Ao longo do processo, o goleiro nunca havia admitido a morte de Eliza e negava ter participado dos crimes contra ela e o filho. Em interrogatório na quarta-feira (6), o jogador confirmou, pela primeira vez, que a modelo foi morta.

Embora tenha confessado culpa por não ter evitado crime, apontou Luiz Henrique Romão, o Macarrão, seu funcionário e amigo de infância, como mentor do sequestro e homicídio.

O jogador ainda indicou que Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, foi contratado por Macarrão para matar a modelo --pela primeira vez algum dos envolvidos delatou Bola em juízo.

quinta-feira, 7 de março de 2013

SINTREXBEM E SINDICELPA promovem curso

SINTREXBEM E SINDICELPA 
promovem curso


Nos dias 2 e 3 de março aconteceu no Hotel Pioneiro, em Teixeira de Freitas, um curso ministrado por Pérsio Plensack dirigido aos sindicalistas locais e regionais. O encontro promovido pelo Sindicato dos Trabalhadores na Silvicultura, no Plantio Tratos culturais, Extração e Beneficiamento da Madeira em Atividades Florestais e Indústria Moveleira do Extremo Sul da Bahia (SINTREXBEM) e o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Celulose, Papel, Pasta de Madeira para papel, Papelão, Cortiça, Artefatos de Papel, Madeira e Assimilados do Estado da Bahia (SINDICELPA) teve como objetivo contribuir na formação dos dirigentes.

Durante este primeiro módulo, a programação abordou, principalmente, o histórico dos sindicatos e a estratégia da negociação – um dos grandes desafios na trajetória de todo sindicalista, confirmam os veteranos. “Percebemos que os jovens dirigentes precisam adquirir uma base de conhecimentos para que possam desenvolve-se ainda melhor”, afirmou Murilo Câmara, membro da diretoria do SINDICELPA, ressaltando o talento nato da maioria.  

A turma composta de 35 pessoas, entre as quais cinco mulheres, reuniu também alguns funcionários de sindicatos. Para o diretor da SINDICELPA, o intuito foi de que pudessem conhecer a rotina da classe, um aprendizado capaz de fazer a diferença no dia a dia das entidades. “Amanhã, quando atenderem aos trabalhadores na sede sindical, já estarão familiarizados com a realidade do setor”, concluiu.
“Consideramos satisfatória a presença dos colegas que se preparam para voltarem nos dois próximos módulos, por enquanto, sem data definida”, antecipou Silvânio de Oliveira, presidente do SINTREXBEM. Questionado a respeito da paralisação dos vigilantes, o sindicalista chamou a atenção da população para se interar da situação da categoria que recebe baixos salários apesar de arriscar a própria vida.
Os demais sindicatos participantes do evento foram: SINAP, SINDBANCÁRIOS, SINDEC, SINDSAÚDE, SIND-ITA, SINDILIMP, SINTICEL, SINDVIGILANTES e SINDISERVIM.
Arte-educador à frente do curso
Pérsio Plensack recebeu convite dos organizadores para ministrar o curso pela primeira vez em Teixeira de Freitas. O arte-educador e pedagogo que esteve outras ocasiões no município de Eunápolis, possui na bagagem 19 anos de formação sindical. Atuando no Sindicato Nacional dos Papeleiros (SINAP) desde o ano de 2005, o profissional apresentou uma proposta de programação flexível.
“Até os horários do início e término do módulo, os participantes pactuaram coletivamente”, explicou. Na programação geral a abordagem de conceitos importantes para a classe trabalhadora, através de linguagem acessível, foi o grande diferencial do curso. 

quarta-feira, 6 de março de 2013

Projeto SenacMóvel lança dois novos cursos gratuitos em Teixeira de Freitas

Projeto SenacMóvel lança dois novos cursos gratuitos em Teixeira de Freitas
   





 

 

 
Desde setembro de 2012, que o SINCOMÉRCIO – Sindicato do Comércio Atacadista e Varejista de Teixeira de Freitas, havia adquirido para a população do município, depois de uma longa negociação para conquista do projeto, uma carreta equipada com recursos de última geração do projeto SenacMóvel que atualmente está estacionada em pleno funcionamento na Praça da Prefeitura Municipal.

Na tarde desta terça-feira (06/03), o presidente do SINCOMÉRCIO, Flávio Guimarães, o prefeito João Bosco, a supervisora regional do SENAC, Beatriz Águida, o secretário da Indústria e Comércio e Desenvolvimento Econômico, Valter Barbosa, o secretário de Assistência Social, Antônio Jorge da Silva Correia, secretário de Esporte e Lazer, Fernando Luca de Melo e o secretário institucional Marcílio Goulart, se reuniram para assinar a continuidade da parceria e para lançar os dois novos cursos de garçom e drinques e coquetéis. 

O prefeito João Bosco palestrou aos novos alunos dos cursos de garçom e drinques e coquetéis, e começou falando um pouco da sua trajetória, dizendo que já foi servente de pedreiro, carreteiro, estudou e se formou médico e hoje é prefeito da sua cidade e motivou a equipe dizendo que qualquer um daqueles alunos poderia chegar ao seu posto um dia. E acrescentou destacando que a unidade móvel do SENAC está levando infraestrutura pedagógica de última geração para o município e com esta aquisição, a população de Teixeira de Freitas foi contemplada com serviços e cursos essenciais para a vida das pessoas, especialmente nas áreas de Hospitalidade, Turismo e Culinária.

O presidente do SINCOMÈRCIO, Flávio Guimarães de Pádua, disse que a carreta conquistada pela sua entidade faz parte do Programa SenacMóvel, que hoje leva educação profissional com o mesmo padrão de qualidade oferecido pelas unidades fixas do Senac e foi criado para democratizar ao máximo o acesso ao ensino profissional. Segundo o professor Elionarde Lima, que está ministrando os dois novos cursos de garçom e drinques e coquetéis, estão integrando ao quadro de cursando, pessoas do ramo de restaurantes, jovens que estão aprendendo uma profissão pela primeira vez e também donas-de-casa onde estão sendo ensinadas as boas práticas e técnicas essenciais.

A unidade móvel do SENAC em Teixeira de Freitas, é uma carreta com 14 metros de comprimento, 2,6 metros de largura e 4 metros de altura e é totalmente adaptada para uma escola móvel, que custou R$ 1,1 milhão. E foi trazida para Teixeira de Freitas objetivando democratizar ao máximo o acesso ao ensino profissional com pedagógica de última geração em cursos eficazes para a vida da população, especialmente nas áreas de Hospitalidade, Turismo e Culinária.
 
   

Vocalista do Charlie Brown Jr é encontrado morto em SP

Vocalista do Charlie Brown Jr é encontrado morto em SP
   





 
 
 
O vocalista da banda Charlie Brown Jr, Alexandre Magno Abrão, o Chorão, foi encontrado morto em seu apartamento na Rua Morás, em Pinheiros, na Zona Oeste de São Paulo, na madrugada desta quarta-feira (6). Ele tinha 42 anos.
Chorão foi encontrado desacordado pelo seu motorista, que acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). A unidade de resgate constatou que ele já estava morto. A Polícia Militar disse ter recebido um chamado às 5h18 para "verificação de morte natural em um apartamento". Chorão morava no oitavo andar do edifício.
No início da manhã, policiais civis e militares e peritos estavam no prédio do cantor. O delegado Luiz Romani, do 14º Distrito Policial, em Pinheiros, disse que ainda não é possível dizer a causa da morte do vocalista. A causa será determinada pela perícia. Romani disse apenas que Chorão estava sozinho em seu apartamento e que o caso será investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).
A apresentadora Sônia Abrão, pma do cantor, chegou ao prédio por volta das 8h. A assessoria de imprensa da banda informou que Chorão estava de férias e embarcaria para os Estados Unidos nos próximos dias. Ainda segundo a assessoria, o estado de saúde dele era bom.
 
   
 

terça-feira, 5 de março de 2013

Vídeo: Veja toda a ação dos bandidos que assaltaram uma loja de joias e matou vendedor capixaba

Vídeo: Veja toda a ação dos bandidos que assaltaram uma loja de joias e matou vendedor capixaba

Teixeira de Freitas: Por volta das 08h14 desta manhã de terça-feira, 05 de março, dois homens armados entraram numa loja de jóias, localizada na Av. Princesa Isabel e anunciaram um assalto. No momento havia um possível cliente na loja, que foi rendido pelos assaltantes e colocado para o outro lado do balcão. Um dos assaltantes, aproximadamente 1,75m, físico de porte médio, trajando calça jeans e camisa clara de botões foi para o interior da loja, enquanto o outro assaltante, de camisa gola a polo vermelha com laterais na cor branca, aproximadamente 1.70m e porte físico magro, permaneceu ao balcão dando cobertura.

Em seguida, um representante comercial do ramo de joias, identificado como Tadeu Antônio Zocatelli, 47 anos de idade, residente em Linhares/ES, adentrou a loja e na tentativa de ser rendido pelo assaltante acabou tentando fugir do local, mas foi agarrado pelo assaltante, que na tentativa de puxá-lo para dentro da loja, atirou contra o mesmo. Em seguida os dois assaltantes fugiram. A polícia ainda não tem informações sobre o que foi roubado. Tadeu ainda foi socorrido por policiais militares, mas morreu antes de dar entrada no hospital.
A Polícia Civil divulgou as imagens do circuito interno da loja e espera que a população ajude no reconhecimento dos marginais. Policiais civis e militares empreenderam buscas na tentativa de prender os elementos, mas não obteve êxito. Os delegados Marco Antônio e Marcus Vinicius estão à frente das investigações. Informações chegaram à polícia de que os elementos fugiram numa moto Honda Bros branca com detalhes verdes, e placa com os finais 8124. A polícia pede que qualquer informação ligue e denuncie 197 (Polícia Civil) e 190 (Polícia Militar). A identidade do denunciante será preservada.

Vídeo: Vendedor de joias capixaba é executado no centro de Teixeira de Freitas

Vídeo: Vendedor de joias capixaba é executado no centro de Teixeira de Freitas
   





 
 
 


O homicídio aconteceu por volta das 8h30 desta terça-feira (5) na rua Princesa Isabel, em pleno centro comercial de Teixeira de Freitas, proximidades da Central de Embarques, antigo terminal rodoviário e a vítima foi o distribuidor de joias, Tadeu Antonio Zucatelli, 47 anos, natural de Linhares-ES., mas morador do bairro Itapoã, área nobre de Vila Velha, cidade da região metropolitana de Vitória.
Segundo as primeiras investigações da Polícia Civil, Tadeu teria estacionado o seu veículo Mitsubishi Pajero, placa ODM-4173/Santa Tereza-ES., cidade onde possuía casa de veraneio, numa rua próxima ao centro de Teixeira de Freitas e quando se dirigia à loja Paris Joias, notou uma movimentação estranha no interior do estabelecimento comercial e quando tentou retornar fora abordada por um homem armado, esse que disparou um tiro em sua cabeça.
O delegado Marco Antônio Neves, titular da Polícia Civil de Teixeira de Freitas e que investiga o caso, informou com exclusividade ao Teixeira News que na verdade eram dois assaltantes que já estavam no interior da Paris Joias e um deles ao perceber a aproximação e depois recuo do vendedor de joias teria se irritado com a possibilidade dele acionar a polícia. Mesmo o estabelecimento comercial sendo sediado no centro da cidade e bem em frente de uma agência do Bradesco, o assaltante sacou a arma e executou Tadeu.
O distribuidor de joias Tadeu Antonio Zucatelli, 47 anos, não teve tempo de esboçar qualquer reação e caiu ao lado da calçada da Paris Joias. Na sequência chegou ao local o delegado Marco Antônio Neves e esse ao perceber que a vítima ainda respirava solicitou o apoio de uma viatura da Polícia Militar que estava próxima. Os militares tentaram socorrer o representante comercial, mas o mesmo veio a óbito logo na sequência.
Pelas análises preliminares do Departamento de Polícia Técnica de Teixeira de Freitas (DPT), Tadeu Antonio foi morto apenas com um tiro, possivelmente de revólver calibre 38. Na cabeça do rapaz foram encontradas duas perfurações, sendo uma de entrada do projétil e outra de saída. O corpo foi removido para Itamaraju, que responde pelo plantão de perícia médica legal nesta terça-feira (5).
Carro que era usado pela vítima
Policiais civis do Serviço de Investigação em Local de Crime (SILC), com apoio de policiais do Batalhão da Polícia Militar de Teixeira de Freitas (13º BPM) realizaram diversas diligências durante toda a manhã desta terça-feira, dia 5, mas até o fechamento dessa reportagem ninguém tinha sido preso. Imagens do circuito interno de estabelecimentos comerciais próximos estão sendo solicitadas e as mesmas podem ajudar a polícia no processo de identificação dos autores do crime. No interior do veículo de luxo da vítima foram encontradas pastas com joias e um revólver calibre 38, que possivelmente era usado para sua proteção pessoal. No momento que foi atingido pelo disparo o distribuidor de joias estaria com uma pasta, que supostamente teria sido levada pelo assassino.

Garota engravida de chimpanzé no Amazonas e revoluciona a ciência

Garota engravida de chimpanzé no Amazonas e revoluciona a ciência
   





 
 
 
Um caso misterioso ocorrido em Manicoré, interior do Amazonas, tem chamado a atenção de cientistas de todo o mundo. Uma jovem, de apenas 19 anos de idade, está grávida de um macaco chimpanzé. As últimas informações dão conta que médicos e cientistas brasileiros, japoneses, argentinos, americanos, e também uma equipe da NASA, estiveram no Amazonas para analisar o caso.
A jovem, cujo nome está sendo preservado para não causar constrangimento, manteve a gravidez em sigilo até a barriga crescer e denunciar. A jovem grávida primeiro avisou aos pais, mas esses não acreditaram que o pai seria um macaco.

Um repórter de um site local, conversou com os pais da jovem. A mãe da garota, disse que só acreditou na história quando os médicos confirmaram que o DNA do bebê que está sendo gerado, tem o mesmo do macaco.

Já o pai, disse que desconfiava que a filha tinha um “chamego” com o chimpanzé, mas achou que era apenas carinho para com o animal de estimação. “Ela dormia na cama com o macaco, mas não imaginei que eles faziam algo demais”, disse o pai.